sábado, 28 de junho de 2014

Assessoria de Imprensa para Bandas de Rock


Bandas iniciantes, ou não, que queiram um trabalho de Assessoria de Imprensa, divulgação, media press, etc. Atuação profissional por quem é qualificado para isso e possui experiência musical, entrem em contato através do meu e-mail: celioazevedo@icloud.com .

Essa parte da Produção Musical também é muito importante para quem quer demonstrar o seu trabalho.


Célio Azevedo.

 

sexta-feira, 27 de junho de 2014

Visões sob o prima da Escola Austríaca, de Viena


A Escola Austríaca de Economia, também conhecida como Escola de Viena ou Escola Psicológica, é uma escola econômica baseada no princípio da organização espontânea dos mecanismos de preços. Defende, portanto a não intervenção do Estado na economia. Acredita que deve-se respeitar à risca os acordos contratuais voluntários entre os agentes econômicos.

O Instituto Ludwig Von Mises oferece um curso de iniciação à Escola Austríaca de Economia.
  
Acesse: 

http://www.mises.org.br/FileUp.aspx?id=132


Célio Azevedo.

 

sábado, 21 de junho de 2014

O Caminho dos Avanços Sociais - Parte II


Passado pouco mais de um ano desde o início das manifestações de maio do ano passado, em 2013, temos agora uma descaracterização dos motivos iniciais das manifestações nas ruas do Brasil. Hoje, o movimento esquerdista Black Blocks, juntos com outros partidos marxistas, como PSTU, PCB, PCDOB (UJS - Movimento Passe Livre), PSOL, além de tendências marxistas do PT comandam as manifestações.

O que antes era um movimento libertário, apartidário, liberal, do povo, e não de burocratas que decidem o futuro das pessoas em gabinetes de seus partidos políticos corruptos de esquerda, se transformou num movimento terrorista, nacional-socialista, com pouquíssima influência atual daqueles que pediam menos Estado anteriormente.

Quem me conhece sabe que já participei de muitas manifestações, mas no momento devemos tomar cuidado para não darmos munição para a esquerda. O povo apartidário deve continuar se manifestando mas o nosso papel principal agora é nas urnas.

Vamos tirar o PT do poder em outubro e salvarmos o Brasil de se transformar numa república socialista bolivariana. É preciso salvar a nossa liberdade e democracia! E de quebra, salvarmos também o resto da América Latina a partir da formação de um pensamento crítico na sociedade. A Copa do Mundo não alienará o povo brasileiro dessa vez.


Célio Azevedo.

sexta-feira, 20 de junho de 2014

Em Primeiro Lugar no ReverbNation


Célio Azevedo em 1º lugar no Ranking de melhores músicos no site

 http://www.reverbnation.com/celioazevedo

 

 

Jornalistas só com Diploma


Em defesa da obrigatoriedade de curso superior para a atividade da profissão de jornalista. Em defesa da meritocracia.

Célio Azevedo.

Jornalista.


domingo, 8 de junho de 2014

O Socialismo petista e o elevado custo Brasil para os brasileiros que vivem no país


Nos EUA este conversível está custando 1500 dólares (cerca de 3 mil reais) um carro que aqui você não paga menos de 50-70 mil reais. Esse é o Brasil. E tem "gente que ainda se acha" porque tem um Renault Clio, um Gol, um Fiat Siena. Lamentável. Brasil República de bananas mesmo. Viva o capitalismo! Viva o Livre mercado!




Tá certo que é usado, mas olha o estado de conservação desse carrão. Há novos também desse tipo por lá que não chegam a um terço do preço praticado no Brasil.


Célio Azevedo.

Cuidado com o Comunildo!



O PT aprovou recentemente a criação dos conselhos populares para tentar forjar uma ditadura da maioria. A Ditadura da Maioria é uma ditadura socialista. Na qual a maioria na verdade não manda, apenas um grupo de burocratas corruptos, de péssima índole, ou seja, ladrões.

Os conselhos foram criados primeiramente na União das Repúblicas Socialistas Soviéticas - URSS, no inicio do século XX, por Vladimir Lenin.

A URSS foi uma ditadura socialista que matou mais do que Hitler, cerca de 200 milhões de pessoas, mais do que a população brasileira. Nem o Nazismo conseguiu matar tanta gente. Todos os que eram contra o governo eram fuzilados e as crianças iam para o moedor de carne. Isso após a URSS ter criado os sovietes. Agora pasmem!

Sovietes em português quer dizer conselhos populares.

Esses conselhos populares existem na Coreia do Norte, Cuba, na Venezuela Bolivariana, existia na antiga União Soviética (URSS), etc, ou seja, em ditaduras comunistas que mataram e ainda matam milhões até hoje.

 

Tudo com a justificativa de se fazer a "justiça social" que é a de tomar dos ricos e a dar para os pobres, só que eles nem fazem isso, eles sempre tomam dos ricos e o dinheiro fica para os governantes do Estado, exemplo do que acontece em Cuba, aconteceu na URSS e em todos os outros países que citei. o Fidel é o homem mais rico do mundo na verdade. A falta de empresas privadas num país ainda gera mais pobreza aos países socialistas. 

Tanto é que a cada existem mais pobres no Brasil, já que aqui é um país aonde as grandes empresas são estatais.


Entendeu agora o que o PT e a esquerda querem fazer com o Brasil?


 

Um golpe bolivariano eleitoral para implantar o socialismo no Brasil de maneira disfarçada. O marxismo está no campo da metafísica, pois, não pode ser avaliado cientificamente, assim, não se trata de ciência alguma.

Célio Azevedo. 



segunda-feira, 2 de junho de 2014

Votos Branco e Nulo não anulam eleições!



Não caiam nessa armadilha da esquerda. Eles querem continuar se reelegendo. O código eleitoral brasileiro tem um capítulo inteiro dedicado ao tema das nulidades da votação, contendo 6 artigos - do 219 ao 224.

Desde o início, o capítulo das nulidades do código eleitoral demonstra que nada anulará uma eleição, ao dizer claramente em seu artigo 219:

Art. 219. Na aplicação da lei eleitoral o juiz atenderá sempre aos fins e resultados a que ela se dirige, abstendo-se de pronunciar nulidades sem demonstração de prejuízo.

Parágrafo único. A declaração de nulidade não poderá ser requerida pela parte que lhe deu causa nem a ela aproveitar.

Notou que o artigo diz "abstendo-se de pronunciar nulidades sem demonstração de prejuízo"? Equivale a dizer que, se os eleitores optarem por votar maciçamente em branco, não haverá prejuízo para ninguém - não haverá candidato que se favoreça disso, e ninguém poderá dizer que foi prejudicado pela opção do eleitor. Da mesma forma, votos nulos em grande proporção ou abstenção generalizada não configuram motivo de anulação. No máximo, se não houver nenhum voto válido pode ser que haja convocação de novas eleições (mas esta possibilidade é remotíssima, pois implicaria dizer que os próprios candidatos votariam em branco, nulo ou não compareceriam à eleição).

O parágrafo único diz que quem causou a nulidade não pode requerê-la, nem aproveitar-se dela. Serve para prevenir a seguinte situação: imagine que um partido faça uma fraude, mas que é imperceptível em um primeiro momento e, talvez, possa até não ser descoberta. Este partido, apesar da fraude, perde a eleição. Aí, depois de perder, denuncia a própria fraude, para tornar a eleição nula. Esta denúncia não será acolhida, pois a lei não permite que ninguém possa beneficiar-se da própria má-fé.

Todos os artigos do capítulo de nulidades do código eleitoral citam apenas motivos formais para a anulação de uma eleição, como, por exemplo, votação em dia e horário diferentes do designado, registrado em folhas falsas, quando ocorrer impedimento de fiscalização dos partidos, etc. Ou seja, não existe nenhuma condição de anulação que diga respeito ao resultado da eleição, somente aos aspectos formais.

Portanto, se a maioria votasse branco e/ou nulo isso só beneficiaria quem já está no poder no Brasil, ou seja, a esquerda bolivariana, PT e CIA.  

Cuidado !



... E ambos são de esquerda.

Célio Azevedo.


Eu Apoio a Fundação do Partido Novo!

Olá a todos,

Nem direita, nem esquerda. Apenas não intervencionista a favor da liberdade individual e econômica. O Liberalismo econômico construiu tudo de melhor que uma sociedade desenvolvida pode almejar.

O ranking de liberdade econômica da Heritage Foundation demonstra isso.
Por questões éticas/libertárias apoio a fundação do único partido "de direita" no Brasil.

O Partido Novo precisa tirar o seu registro. Então vamos buscar assinaturas por todo o Brasil a fim de criarmos pela primeira vez uma alternativa verdadeira ao Brasil, que nunca teve um partido realmente liberal. Baixem a ficha de apoio e vamos começar a preenchê-la para assim o partido ter o seu registro eleitoral ainda neste ano de 2014.

http://www.novo.org.br/


Célio Azevedo.

Jornalista.